Norte de Goiás

Corpos de embarcação que afundou no Lago Serra da mesa são encontrados

Foram dois dias de buscas que mobilizou bombeiros de Uruaçu, Niquelândia e mergulhadores de Anápolis.

A equipe do Corpo de Bombeiros fez na madrugada desta terça-feira (1º), o último resgate dos desaparecidos após uma canoa com quatro pessoas ter afundado, no encontro do Rio Maranhão com o Rio das Almas (Lago Serra da Mesa), divisa dos municípios de Uruaçu, Niquelândia e Barro Alto.

O corpo de João Bueno foi encontrado na madrugada de hoje (1º).
O corpo de João Bueno foi encontrado na madrugada de hoje (1º). Foto: Reprodução

O acidente aconteceu na noite do último sábado (28), sendo que duas delas conseguiram se salvar, nadando até às margens do Rio Maranhão. A 11ª Companhia Independente dos Bombeiros Militares – CIBM foi acionada na madrugada de domingo (29) para atender à ocorrência e as buscas continuaram até então.

Somente nesta madrugada (1º), o corpo de João Bueno da Silva, de 53 anos, foi encontrado após submergir, boiar” e ser avistado por um dos bombeiros que passaram a noite no local. Ele estava há mais ou menos dois metros da margem, aonde os bombeiros entraram com as canoas. O corpo da outra vítima fatal, André Luiz, foi encontrado por volta das 17 horas do dia anterior (segunda-feira, 30).

“De fato após 36 horas de afogamento em água parada aumenta a probabilidade de um corpo emergir a superfície. Todavia, preferimos não contar com esta possibilidade, pois, entendemos que quão mais rápido for localizado, menor é a dor dos familiares. Além disto, como é a característica do Lago Serra da Mesa, há muitos galhos no fundo o que pode “prender” o corpo impedindo de vir à superfície”, explicou o comandante da 11ª CIBM, major Ary Dutra.

André Luiz também foi uma das vítimas fatais.
André Luiz também foi uma das vítimas fatais. Foto: Reprodução

O comandante também destacou que as buscas por meio de mergulhadores é melhor técnica utilizada e que os mergulhadores também tem uma tese de que a movimentação deles no fundo do lago, expelindo bolhas de ar da respiração aumentou esta velocidade de subida do corpo.

Mesmo após ter encontrado os corpos, os mergulhadores ainda continuaram com algumas tentativas de localizar a embarcação e o motor de popa. Os dois foram localizados pela manhã, sendo reflutuada (trazida à superfície) com bombas de ar e entregue ao proprietário encerrando assim, a operação. Foram empenhadas na ocorrência as equipes do 3º BBM-Anápolis, da 6ª CIBM-Niquelândia e da 11ª CIBM-Uruaçu.

Etiquetas

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar