CrimeDestaquePolícia

Dois são presos por furto e receptação em comércios e casas em Barro Alto

Os crimes aconteceram nesses dois últimos meses de 2021, ao todo foram dois pontos comerciais e uma residência, alguns pertences foram recuperados e serão devolvidos aos seus proprietários.

Após investigações a Delegacia de Polícia (DP) de Barro Alto, prendeu em flagrante duas pessoas: uma, suspeita de praticar diversos furtos em comércios e residências do município, e outra, por receptar os produtos provenientes dos furtos. Até o momento, três crimes de furtos, ocorridos nos últimos dias, são atribuídos aos investigados. Os autores foram presos na última sexta-feira (1º).

Os crimes

O primeiro furto ocorreu no dia 24 de setembro deste ano, em uma farmácia de Barro Alto. Ao abrirem o local de trabalho, pela manhã, os funcionários perceberam que havia dinheiro caído ao chão e várias gavetas reviradas. Notaram que a porta do banheiro estava arrombada e a janela havia sido retirada. O proprietário do estabelecimento informou à Polícia que os autores subtraíram: um celular, avaliado em R$ 900, e aproximadamente R$ 1.700 em dinheiro.

Objetos recuperados pela PC – Foto: Divulgação/PC
Objetos recuperados pela PC – Foto: Divulgação/PC

O segundo furto aconteceu no final do mês de setembro, em uma residência, em Barro Alto. A família estava viajando e, ao retornar, no dia 26 de setembro, encontraram a casa toda revirada. Logo, constaram que foram roubados diversos objetos, como televisor, ventilador, jogo de ferramentas, uma caixa de som, utensílios domésticos, entre outros.Por fim, na madrugada do dia 1º de outubro, ocorreu um furto, mediante arrombamento, em uma loja de roupas masculinas e diversos objetos foram roubados pelos investigados.

Grande parte dos artefatos furtados foram recuperados pela Polícia Civil, os objetos serão periciados e entregues aos respectivos proprietários.

De acordo com a Polícia Civil os suspeitos foram encaminhados ao Presídio de Goianésia. Eles responderão pelos crimes de furto, qualificado pelo rompimento de obstáculo, que prevê uma pena de 2 a 8 anos, para cada furto cometido, e receptação, com pena de 1 a 4 anos.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo